A última viagem do Enzzo

A última viagem do Enzzo

Enzzo na Ilha Brac, Croácia, 2016

Sim. Se alguma vez na sua vida você teve um animal de estimação, sabe que o dia em que terão que se despedir chegará, seja em breve ou depois de uma década juntos. Infelizmente eles não vivem o suficiente para nos ver apaixonados, nos casando e nossos filhos crescendo na mesma vida. Sim, é um saco. Sim, dói.

Esse ano o Enzzo fará 11 anos, exatamente no dia em a Baby M faz 1 ano. Eles nasceram no mesmo dia, 10 anos de diferença, e como sou grata por isso. 19 de setembro é o dia mais especial do ano para mim, mas esse não é o motivo pelo qual estou escrevendo esse post expondo meus sentimentos. Bom, eu não poderia encontrar um título melhor que “A última viagem do Enzzo”, e o motivo é porque, em breve, estaremos levando o Enzzo para sua última viagem com a gente. Mas antes de entrar em detalhes, deixa eu voltar alguns anos, precisamente 5 anos, para explicar como e por que hoje vocês estão lendo esse post.

Foi no inverno de 2013, ano em que W. e eu nos casamos. O Enzzo era bem louquinho, digo louquinho porque ele era mesmo, mas um tipo de louco legal. O tipo de louco que costumava fugir do jardim para ser encontrado no abrigo de animais da cidade, ou nadando no rio. O tipo de louco que adorava correr solto por aí, cavar buracos, esfregar suas costas na terra cheia de merda de vaca, capaz de nadar por horas e nunca se cansar, e de enfiar a cara na neve. No entanto, nossas vidas mudaram naquele inverno de 2013 quando, ao correr pela neve, ele escorregou no gelo e ficou com uma hérnia de disco.

Ele passou meses sem conseguir andar direito, tomou diversos remédios, fez fisioterapia, e sim, gastamos um absurdo de dinheiro (ao mesmo tempo tentando pagar nosso casamento) mas ainda assim, nada nos tirava a felicidade e gratidão de ainda tê-lo conosco. Desde então, temos aproveitado cada momento com ele ao nosso lado. Temos tanta sorte em poder vê-lo completar 11 anos. Incrível olhar para trás e lembrar daquele final de semana em que achávamos que íamos perdê-lo com 5 anos de idade. SOU MUITO GRATA.

A última viagem do Enzzo

Enzzo em Berlim, 2016

Por causa daquele inverno o Enzzo ficou com problemas nas costas e cintura. Os últimos 2 anos foram cheios de altos de baixos. Cada vez que ele tinha uma crise de dor nas costas pensávamos logo o pior. Não, não é um sentimento legal saber que um dia seu melhor amigo não vai mais poder andar e que você será obrigado a tomar uma decisão. Pois bem, esse dia está mais perto do que imagino. Esse tem sido um ano difícil para ele, para todos nós. A saúde dele é um dos principais motivos pelo qual quase não viajamos esse ano, e por eu não ter postado tanto nas redes sociais como normalmente faço.

No último mês ele deu uma piorada, e depois de alguns exames descobrimos que ele não tem mais os ligamentos da cintura e que o que o mantém andando são os músculos. Cirurgia não é mais possível na idade dele, e agora está tomando remédio para dor e ao mesmo tempo fazendo fisioterapia toda semana. Tudo isso para poder oferece-lo qualidade de vida, mas infelizmente sabemos que não irá funcionar por muito mais tempo, e que o dia que temos evitado há anos está se aproximando.

Sim, ele ainda está aqui conosco. Enquanto escrevo esse post ele está na varanda comendo um osso, e nos últimos dias até deu uma boa melhorada. Na cabeça ele continua o mesmo, mas infelizmente o corpo não o permite fazer muito do que ele gostaria. Pois bem, depois dessa introdução (importante para ajuda-los a entender a situação e como chegamos até aqui) vamos falar sobre a última viagem do Enzzo.

A última viagem do Enzzo

Enzzo na Ilha Hvar, Croácia, 2016

Essa viagem na verdade era para ter acontecido em Maio/Junho desse ano, mas porque o Enzzo não estava bem, decidimos adiá-la para setembro, e com algumas mudanças para nos ajustar a atual situação. Será uma viagem de carro, e envolverá praia e mar, porque esse é o lugar favorito do Enzzo em todo o mundo, e onde ele cresceu (nas praias do Brasil). Coincidência ou não, o único tipo de exercício que ele pode fazer é nadar, e isso é exatamente o que ele mais ama fazer (depois de comer, eu acho). Achamos que ele merece ver o mar pela última vez, e então decidimos dar continuidade aos nossos planos de dirigir de Munique até a Sardinha, Itália, para proporcionar mais esse momento para ele.

Sim, é um logo caminho, mas faremos paradas ao longo da rota, e todos os lugares onde ficaremos hospedados são bem receptivos com animais, mas principalmente nesse caso: receptivos com animais com necessidades físicas, o que significa nada de escadas (maiores inimigos do Enzzo no momento). Então assim será o nosso roteiro:

Dia 1: Munique (casa) para Verona
Dia 2: Verona para Pisa
Dia 3: Pisa – Livorno (barco) – Sardinha
Dia 4 até 9: Sardinha
Dia 10: Sardinha – Livorno – Casole d’Elsa
Dia 11: Casole d’Elsa
Dia 12: Casole D’Elsa para Lago de Garda
Dia 13: Lago de Garda
Dia 14: Lago de Garda – Munique (casa)

A última viagem do Enzzo

Enzzo na Toscana, Itália, 2015

Muito planejamento, reservas, preparações, e listas estão sendo feitos nesse mês de agosto, incluindo conversas com a veterinária e fisioterapeuta do Enzzo. Tudo isso sem nem termos certeza de que a viagem dará mesmo certo, porque se ele piorar, teremos que cancelar tudo de última hora. Definitivamente estamos precisando de pensamentos positivos da parte de vocês para que dentro de alguns dias estejamos embarcando na nossa última viagem com o Enzzo, onde ele poderá nadar no mar novamente… pela última vez.

Claro, se tudo der certo vocês poderão seguir a última viagem do Enzzo conosco no Instagram e Facebook. E depois da viagem, poderão ler mais detalhes aqui no blog. A viagem acontecerá entre 31 de agosto de 13 de setembro.

Enquanto isso, obrigada a todos por compreender esse momento difícil para a gente. O Enzzo sempre será nosso cachorro viajante e nunca iremos esquecer as aventuras que vivemos juntos nessa vida. Rumo à mais momentos inesquecíveis!

A última viagem do Enzzo

Enzzo e eu nos Lagos Plitvice, Croácia, 2016

About Allane

Brasileira morando na Alemanha. Casada com o W., mãe de uma menina linda e de um Golden Retriever. Viajante, escritora, fotógrafa, mergulhadora, apreciadora de vinhos, fã de Fórmula 1, viciada em ler livros de ficção histórica e juvenil. City girl, amante da natureza, alguém que acredita em um mundo melhor, uma pequena mudança por vez.

  • Marcia

    Como dói ler isso… Infelizmente eles.vivem pouco, mas felizmente deixam lembranças inesquecíveis e um amor que dura pra sempre. Que lindo que vcs poderão proporcionar essa viagem a ele. Que seja a melhor aventura da família de vcs. Um carinho especial nesse cachorrão lindo – e muita força pra vcs! ❤️

    • Obrigada pelas palavras Marcia. Infelizmente eles vivem pouco mesmo, e sem dúvidas as lembranças ficam… e lembranças com o Enzzo haverão muitas.
      Estamos felizes por ainda tê-lo conosco e poder viajar mais uma vez com ele 🙂