Dicas essenciais para viajar de carro na Europa

Viagem de carro pela Europa
Crédito da imagem

Viajar de carro é uma das coisas mais empolgantes para mim, é o meu modo favorito de viajar. Tenho vários motivos para isso: não há limite de peso para malas, nem o trabalho de passar pela segurança de um aeroporto, posso levar meu cachorro comigo, ver as paisagens ao longo do caminho, fazer uma pausa quando quiser, não tenho o meu medo de avião de sempre, e por ai vai. E se tem uma coisa que amo, é viajar de carro pela Europa, na minha opinião, a melhor forma de conhecer o velho continente.

Nem posso mais contar quantas vezes viajei pela Europa de carro, e cada uma dessas viagens, bem ou mal sucedidas, me ensinaram muita coisa. Então pensando em vocês que planejam fazer uma road trip pelo velho continente, aqui vão algumas dicas essenciais para viajar de carro na Europa:

Planeje bem as rotas e horários

Viagem de carro pela Europa
Túnel na Eslovênia

Mesmo que seja uma viagem de última hora, não deixe de planejar a rota e se organizar com os horários. Tanto já fiz viagem improvisada como planejada com antecedência, e aprendi muito com os erros e acertos. Por isso acho necessário planejar a rota, é possível que haja construção na estrada que você pretende passar, montanhas ou muitos túneis no caminho, entre outros.

Em relação aos horários, claro que todos queremos chegar no horário planejado, mas nem sempre é possível prever o trânsito. No entanto, há alguns dias (feriados locais) e horários (entre 07:00 – 09:00 e 16:00 – 19:00 durante a semana) que é melhor serem evitados. Ao mesmo tempo, também é importante checar a previsão do tempo, o que nos leva ao próximo tópico.

Cheque a previsão do tempo

Viagem de carro pela Europa

Dependendo da época do ano em fará sua viagem, checar a previsão do tempo local é crucial. O tempo na Europa é muito inconstante, previsões para um lugar são diferentes para outros, e acredite, você vai querer evitar dirigir com muito nevoeiro, neve, gelo e chuvas fortes. Mesmo que a previsão não vá interferir nos seus planos, pelo menos poderá se preparar para o que vem no caminho.

Tenha um mapa ou GPS

Obviamente você precisa saber como chegar ao seu destino, e mesmo que não seja muito fã de GPS, espero que goste de mapas, porque certamente irá precisar de um. Seja de papel, no seu celular, ou no carro alugado, encontre algo que possa te mostrar o caminho. Desde que me mudei para a Europa, em 2011, uso um app que se chama Navigon Europe, ele é carinho, mas se você mora na Europa pode ter certeza de que o preço vale a pena.

Pedágio na Europa
Pedágio na Itália

Pedágios e Vignettes

Uma das dicas mais importantes dessa lista é: atenção aos pedágios e às vignettes. Cada país tem a sua forma de cobrar pelo uso de suas estradas, em alguns são através dos pedágios, em outros são as vignettes (adesivos que devem ser pregados no para-brisa do carro). Antes da viagem faça uma pesquisa para saber quais desses tipos você encontrará pelo caminho, já posso adiantar alguns:

Alemanha: grátis para carros com menos de 12 toneladas (por enquanto)
Suíça: vignette
Áustria: vignette
República Tcheca: vignette
Hungria: vignette
Eslováquia: vignette
Eslovênia: vignette
Itália: pedágio (um dos mais caros que já vi)
França: pedágio
Croácia: pedágio
Espanha: pedágio
Portugal: pedágio e Via Verde (uma espécie de vignette utilizada para algumas rodovias)
Polônia: pedágio
Grã-Bretanha: pedágio
Irlanda: pedágio

Para ver o sistema de outros países e/ou preços, encontrei alguns sites interessantes e esses dois foram os melhores: Tolls.eu e The AA (os dois em inglês).

Onde e como pagar/comprar:

Pedágios: é possível pagar em dinheiro e com cartões de crédito.
Vignettes: dá para comprar online com antecedência, ou simplesmente comprar em algum posto de gasolina próximo à fronteira (sempre faço isso e é bem tranquilo)

Limites de velocidade e Foto sensores

Viagem de carro pela Europa
Crédito da Imagem

Cuidado com os limites de velocidade nas estradas, eles podem variar de país para país, normalmente o máximo é entre 120 e 130km/h e em áreas rurais entre 80 e 90km/h. Se você tiver um GPS, ele com certeza irá te dar essa informação, se não, é melhor fazer uma pesquisa e ficar por dentro dos limites dos países em que passará (aqui é um bom lugar para começar).

Também tome cuidado com os foto sensores e a polícia que podem estar em qualquer lugar das estradas. O melhor é obedecer os limites de velocidade (até mesmo na Alemanha há limites), caso contrário prepare-se porque a multa é bem salgada.

Placas de sinalização

Viagem de carro pela Europa
Crédito da imagem

Antes da viagem, é importante se familiarizar com as placas de trânsito (se ainda não o tiver feito). Encontrei um documento bem legal com uma lista de várias placas aqui que podem ser bem úteis para você.

Sempre tenha trocado

É importante ter dinheiro trocado na viagem, já que nem sempre irá achar um caixa eletrônico. Outro detalhe é que moedas são suas melhores amigas em uma viagem de carro pela Europa, principalmente se precisar usar o banheiro. Uma vez precisei ir ao toalete e não tinha moedas, parei em 5 lugares diferentes, onde 4 tinham uma roleta na entrada que só aceitavam moedas. Na quinta tentativa achei um público e além de nojento não tinha nem papel.

Carros alugados

Se você for alugar um carro, tem um detalhe bem importante que você precisa saber: se for alugar um automóvel em um dos países do Oeste Europeu e for viajar à algum dos países do Leste Europeu, terá que pagar mais no aluguel. Isso é porque nesses países há a probabilidade de roubarem o carro, então normalmente as empresas cobram mais se o seu destino for um desses países, e ainda aconselham gastar um pouco mais com o seguro.

Dica: o ideal é consultar a lista de países com a locadora.

Outras informações importantes:

  • A maioria das empresas cobram mais por motoristas que tenham menos de 25 anos;
  • Esse site é ótimo para comparar preços de locadoras de carro;
  • Mesmo que muitos países te permitam usar sua carteira de motorista original (sem ser europeia), outros pedem além disso uma carteira internacional. Na dúvida é melhor providenciar logo a internacional.

Viagem de carro pela Europa

Faixas

A utilização das faixas nas estradas europeias é bem simples: a faixa da esquerda é para quem quer ultrapassar, a da direita para manter a velocidade. Simples. Essa regra também é igual para a Grã-Bretanha, só que lá é do lado oposto da estrada.

 

Banheiros na estrada

Viagem de carro pela Europa
Crédito da imagem

Normalmente há diversos lugares nas estradas que oferecem banheiros, a maioria sendo restaurantes e postos de gasolina. Normalmente são pagos, depende muito do país e do estabelecimento. Há também banheiros públicos, os quais não recomendo muito a não ser que seja urgente, já que não são limpos frequentemente (às vezes até me pergunto se já foram limpos alguma vez) é comum não ter papel, sem falar no mal cheiro. Mas, pode ser que achem algum descente por ai, já encontrei algumas vezes, mas nem sempre tive a mesma sorte.

Dica: leve papel higiênico com você e não se esqueça de levar moedas.

 

Estacionamento

Viagem de carro pela Europa
Crédito da imagem

Nas estradas há muitos estacionamentos públicos, tanto para caminhões como para carros pequenos, onde é possível parar um pouco para esticar as pernas ou ajeitar alguma coisa no carro. Eles possuem uma placa azul com um P branco. Em termos de estacionar nas cidades, tome cuidado com as placas, na Europa é comum pagar para estacionar o carro nas ruas (especialmente no centro). Nesse caso, há uma máquina onde se coloca moedas e recebe um pequeno papel para colocar dentro do carro em algum lugar visível (normalmente na frente).

Caso você ou alguém com quem esteja viajando tenha algum tipo de deficiência física, existe o que se chama de Blue Badge, o qual permite que você estacione o carro em lugares para deficientes. Para mais informações clique aqui.

 

Segurança

Viagem de carro pela Europa
Crédito da imagem

Há muitas informações importantes que você precisa saber quando o assunto é segurança, e aqui estão algumas delas:

Equipamentos obrigatórios: há certos equipamentos que você precisa ter no seu carro, alugado ou não, como jaquetas refletivas, triângulo, kit de primeiros socorros, extintor, entre outros. Achei um ótimo documento que contém uma lista de equipamentos obrigatórios para dirigir na Europa.

Pneus de inverno: se o seu plano é fazer sua viagem no inverno, tenha certeza de que seu carro possui pneus de inverno; eles não só são obrigatórios como também importantes para sua própria segurança. Carros alugados já devem tê-los.

Seguro: faça um seguro para o carro antes da viagem, se for alugado você pode ver isso com a empresa.

Número para emergências: 112 é o número que você tem que ter em mente caso precise de alguma ajuda. Esse é o número oficial para toda a Europa, o qual pode ser discado de telefones fixos e móveis. Saiba que esse número não substitui os números de emergências locais de cada país, mas sabendo esse você está seguro.

Dicas para economizar

Gasolina

O preço da gasolina varia muito de um país para outro, alguns são mais baratos, outros mais caros. Sabendo disso, você pode planejar melhor sua viagem para abastecer em certos países ao invés de em outros e economizar um pouco. Para preços atuais, você pode olhar aqui.

Dê carona

Em sites como o famoso bla bla car você pode oferecer carona para onde está indo, dessa forma ajuda alguém e ainda ganha uma grana extra.

Viagem de carro pela Europa
Crédito da imagem

 

Boa viagem!