Se integrando com os Alemães

Fonte

Ao se mudar para a Alemanha, aprender o idioma não é a única dificuldade que você enfrentará. Se integrar com os Alemães pode demorar e exige bastante de você, requer muito esforço e paciência da sua parte, isso é, se você pretende fazer bons amigos – não só colegas – e se integrar na sociedade.

Os Alemães são pessoas muito legais, muito mais do que você imagina, mas para tê-los como amigos de verdade e não só como colegas de trabalho ou de faculdade, existem algumas coisas que você precisa saber e outras que você deveria considerar fazer.

Quando me mudei para a Alemanha, não imaginava que demoraria tanto para encontrar um amigo de verdade; aquele que você pode contar tudo da sua vida e fazer com que ele faça o mesmo com você. Demorou um pouco, me custou esforço, paciência e muitas tentativas. Valeu a pena, e aqui está o meu segredo para fazer amigos Alemães:

Saiba respeitar as diferenças culturais

Essa regra não é só para os Alemães. Em qualquer país que você vá morar, é necessário aceitar e entender que a cultura das pessoas é diferente da sua. Não é errada, certa, melhor ou pior que a sua, mas diferente. Lembre-se que você não irá mudá-los, pelo contrário, você terá que mudar e adaptar-se à eles, e reclamar com certeza não vai ajudar muito.

Fale a língua

Não estou dizendo que você precisa falar Alemão perfeito para interagir com eles. Me levou mais de 1 ano para eu tivesse uma conversa normal com os Alemães, sem mudar para o Inglês até o final da conversa.

O que quero dizer é que é importante mostrar para eles que você está interessado em aprender a língua. Eles sabem que Alemão é um idioma muito difícil, mas aprender o básico como Oi, Tudo bem, e Tchau é um grande passo, e eles valorizam muito isso. Se você estiver no processo de aprender a língua, tente falar com eles, eles não vão te morder, então não precisa ter medo de cometer erros.

Respeite a privacidade deles

Os Alemães são pessoas muito discretas e zelam privacidade; eles não falam sobre a vida inteira deles logo de cara. Demora, demora muito, até eles se sentirem confortáveis para compartilhar certos detalhes. Então, evite fazer perguntas muito íntimas e específicas à princípio; deixe ele/ela dar o primeiro passo.

Aqui são alguns exemplos de perguntas que você deve evitar:

  • Quanto você ganha?
  • Quanto você paga de aluguel?
  • Qual é a sua religião?
  • Qual é o seu partido político?

E claro… evite o assunto guerra, a não ser que eles comecem.

Aceite um convite e convide

Algum Alemão já te convidou para uma festa, para tomar um café ou uma cerveja? Diga sim, mesmo que você não esteja muito a fim de ir, ou não gosta de nenhum desses programas. Receber um convite da parte deles significa que você conseguiu dar um grande passo para conseguir um amigo Alemão, então faça de tudo para aceitar.

Claro que convidá-los também é um passo importante, para eles isso significa que você está interessado na companhia deles e em conhecê-los melhor. A chance de você receber um não como resposta é muito rara, eles adoram ser convidados, então aposte nisso. Você não tem nada a perder, porque não se perde o que não se tem.

Mantenha sua palavra

Esse é um ponto muito importante. Mantenha sua palavra, em qualquer circunstância, seja um encontro que vocês marcaram ou algo que você prometeu fazer. Os Alemães levam sua palavra muito à sério, e eles não gostam quando você não cumpre o que foi prometido ou muda de ideia no último minuto.

Portanto, evite cancelar um encontro à todos os custos, especialmente no começo quando você ainda está tentando conhecê-los melhor. A não ser que algo muito ruim tenha acontecido – e não estou falando de uma dor de cabeça ou uma gripe – não cancele de última hora!

Conheça e respeite as regras deles

Como você já deve saber – se não, fique sabendo agora – os Alemães adoram regras, e existem regras para tudo por aqui. É importante saber e respeitar que: primeiro, eles têm regras; e segundo, que você deve respeitá-las. Fazendo isso, você terá o respeito deles em troca, e isso é MUITO importante.

Evite estar somente com pessoas que falam sua língua

Imagine que você está na universidade no Brasil e vê um grupo de estudantes estrangeiros (que por acaso são da mesma sala que você) conversando e rindo. Você pararia para dizer oi sem conhecê-los? Esse tipo de situação deixa a maioria das pessoas intimidadas, e dificulta a aproximação. Não é verdade?

Então se coloque no lugar dos Alemães quando eles vêem você sempre com aquele grupo. Não espere que eles se aproximem de você dessa forma, é necessário dá-los oportunidade de falar com você. Lembre-se… demora um pouco, e o começo é crucial.

 Seja proativo e ofereça ajuda

É sério! Os Alemães são muito proativos e sempre oferecem ajuda, e eles esperam o mesmo de seus amigos. Então deixe de preguiça e ofereça ajuda caso eles estejam se mudando e precisem de uma mãozinha, ou se ofereça para ajudar a limpar a casa depois da festa. O mesmo se aplica aos seus colegas de trabalho, no caso deles precisarem de ajuda para resolver um problema, ou algo do tipo. É assim que você irá conseguir a confiança e o respeito deles.

 Seja paciente e persistente

Nem todo mundo nasceu com a virtude da paciência – Deus sabe que eu não sou uma dessas pessoas – mas tive que achar um pouco dentro de mim, para que eu pudesse esperar até conseguir fazer amigos Alemães. Então, seja paciente, dê tempo à eles, e não se esqueça dos pontos anteriores.

Não está funcionando? Está sem paciência de esperar? Está quase desistindo? Desculpe, mas você terá que ser persistente. Me levou mais de 1 ano até que algumas amigas Alemães começassem a realmente confiar em mim para contar certas coisas. Com alguns deles pode demorar menos tempo, com outros pode levar anos! Lembre-se: eles valorizam muito privacidade.

Vale a pena!

Passar por todo esse processo acima realmente requer muito esforço e persistência, mas deixa eu contar a parte melhor de todo esse trabalho: vale a pena! Ao fazer amizade com um Alemão, tenha certeza de que você terá um amigo para a vida toda. Esse amigo fará de tudo por você, te apoiará, te ajudará, te ouvirá e te defenderá… pelo resto da sua vida.

Se você conseguiu sobreviver a esse processo sem desistir, parabéns, você merece a amizade deles! Os Alemães tendem a achar que o que importa não é a quantidade de amigos que você tem, mas quantos deles são amigos de verdade!

About Allane

Brasileira morando na Alemanha. Casada com o W., mãe de uma menina linda e de um Golden Retriever. Viajante, escritora, fotógrafa, mergulhadora, apreciadora de vinhos, fã de Fórmula 1, viciada em ler livros de ficção histórica e juvenil. City girl, amante da natureza, alguém que acredita em um mundo melhor, uma pequena mudança por vez.

  • Parabéns pelo excelente artigo!

    • Olá Allana,
      Gostei muito do seu post. O tem é realmente especial e suas dicas são ótimas. Eu também moro na Alemanha há alguns anos e concordo com você e todos os pontos. Fazer amigos na Alemanha pode ser realmente um desafio. Respeitar a cultura local com suas regras, ter respeito e consideração pelas pessoas, agir com seriedade e ter iniciativa são realmente alguns dos pontos fundamentais para ser fazer amigos e ser feliz no país.
      Eu também tenho um blog onde dou dicas sobre Lingua & Cultura. Falo principalmente sobre o Brasil e a Alemanha, dou dicas para aprender alemão e português, além de dicas de viagem. Quando tiver um tempinho, visite meu blog: https://linguacultura.wordpress.com/
      Seria ótimo se pudessemos fazer uma cooperação. Que tal?
      Bem, parabéns pelo seu artigo e continue escrevendo coisas tão legais no seu blog.
      Boa sorte e sucesso em tudo!
      Fábia

      • Oi Fábia!! Obrigada pelo comentário, seja bem-vinda aqui no blog e volte sempre!
        Fico feliz que tenha gostado do texto… não é fácil né? Mas é paciência mesmo… eu gosto muito de observar as pessoas e seus costumes, então ao longo do tempo consegui entender um pouco como funcionam as coisas por aqui hahaha.
        Nossa que legal que você também tem um blog, vou dar uma olhada sim, pode deixar 😀
        Sucesso pra você também!
        Beijos

        • Oii Allana,

          Verdade !!!! Respeitar a cultura alheia é a melhor forma de viver em harmonia quando estamos imersos fora da nossa.
          Falar o idioma é um desafio e muito valorizado por aqui! Como voce disse, não precisa ser como um “nativo”, mas demonstrar vontade de aprender é tudo.
          Minha chefe me diz isso quase todos os dias, que se ela fosse aprender outra língua, JAMAIS seria alemão rs rs

          Bjos e adorei o post 🙂

          • hahaha obrigada Camilian!!
            Fico muito feliz que tenha gostado.
            Eu curto muito observar a cultura dos países e o comportamento das pessoas, então volta e meia faço umas listinhas de observações haha ha. Ai o resultado são posts assim 😀
            Meu marido tbm fala o mesmo que a sua chefe hahaha!
            Obrigada pela visita… já nos conhecemos pelo Instagram não é verdade? Vou te add nas outras redes sociais 😀 beijão e volte sempre!!

          • AllanE rs escrevi errado! Muito boas estas suas observações e anotações 🙂 hehehehe. Eu adoro o seu blog! A primeira vez que tive contato com ele foi através de um compartilhamento de uma amiga no facebook sobre seu post sobre as razões para morar em Munique! Inspirador!!!! 🙂 Adoro as dicas das outras cidades também 🙂
            Bjs

    • Obrigada Antonio, fico muito feliz que tenha gostado! Seja bem vindo aqui no blog e volte sempre!

  • Greta

    Ola Allane, parabens pelo blog! Muito bem escrito, informativo, interessante! Gostaria de saber como, e se voce tem disponibilidade, de conversarmos a respeito da cidade. Nao, nao quero dicas de como adquirir visto, etc, etc, etc kkk Mas uma visao de quem ja mora ai seria de extrema importancia e valia para mim, minha familia e nossa decisao que sera em breve! Obrigada,

    • Oii Greta!! Obrigada, fico muito feliz que tenha gostado do meu blog, seja bem-vinda e volte sempre!!
      Claro que podemos conversar sobre a cidade, sem problemas. Se você preferir pode me enviar um e-mail, é só enviar uma mensagem pela sessão contato que vai direto para o meu e-mail. Assim podemos conversar melhor 🙂

      Beijos,
      Allane

  • Faço das suas minhas palavras Carolina, concordo plenamente com você. Na verdade é que nós brasileiros fazemos colegas em qualquer lugar, o alemães estão focados em fazer amizades mesmo 😀