Sobrevivendo ao inverno de Winnipeg

Inverno em Winnipeg, por Packing my Suitcase

Assim que cheguei no aeroporto internacional de Toronto, fui direto à imigração juntamente com outros estudantes. Naquela época meu Inglês não era nada perto de bom, mas foi suficiente para entender que o cara da imigração riu de mim quando eu disse que estava indo passar 1 ano em Winnipeg. Foi então que ouvi pela primeira vez a famosa piada: ahhh você quer dizer WINTERpeg! Mal sabia eu o que havia por traz dessa brincadeira que não pareceu ser muito engraçada naquele dia.

Na minha primeira semana em Winnipeg, a organização da escola responsável pelos intercambistas reuniu todos para uma reunião de orientação. Discutimos sobre importantes detalhes sobre como seria nosso ano de estudo… e o tema inverno estava entre os discutidos. Nunca vou esquecer daquele dia, quando recebi um folheto com um homem na capa morrendo de frio, e a lista de dicas que nos ajudariam a nos preparar para lidar com o forte inverno de Winnipeg. Sem brincadeira!

Wind chill ou sensação térmica

Claro que a primeira coisa que aprendi foi que a sensação térmica é o que realmente importa quando se quer saber a real temperatura. Não importa se o termômetro mostra -10C quando na verdade está fazendo -30C com o vento.

Inverno em Winnipeg, por Packing my Suitcase

Fazia muito frio! Muito frio…

A primeira neve

Ainda me lembro como eu estava feliz e empolgada quando vi a neve pela primeira vez… foi em meados de Outubro. Depois daquele dia, a neve só foi embora em Abril! Ahh se eu soubesse o tanto que eu iria odiar aquela coisa branca depois de 6 meses!

Inverno em Winnipeg, por Packing my Suitcase

“Você ainda não viu nada”

Essa foi a frase que ouvi por 2 meses do meu professor de Inglês todas as manhãs, quando a temperatura estava em torno de -36C. Acho que ele achava engraçado como eu me vestia, e de alguma forma ele sabia que “eu ainda não tinha visto nada”. Eu não conseguia acreditar nele. Até que um dia, em meados de Janeiro, a temperatura chegou à -51C com wind chill.

E a minha “mãe” disse: “ah, no inverno passado chegou à fazer -56C”. Será que foi para eu me sentir melhor?

Durante 6 meses era assim que eu saia de casa…

Inverno em Winnipeg, por Packing my Suitcase

Mas na realidade era assim que eu realmente me sentia..

Inverno em Winnipeg, por Packing my Suitcase

Lidando com as consequências

E ai, -51C dá para você?! Não se preocupe, esse não é o único problema de um inverno tão frio assim. Junto com esse tipo de temperatura, do lado de fora você sentirá seu nariz escorrendo, seus olhos irão lacrimejar – muitas vezes as lágrimas vão congelar – vai ser tão frio que você terá dificuldade em respirar ao inspirar o ar gelado para os seus pulmões, sem luvas suas mãos vão secar e congelar, a pele ao redor da sua boca vai ficar muito seca ao longo de tempo, e se você não cuidar, vai chegar a sangrar. Acordar de manhã? HA HA HA… uma tortura!

E claro… não esqueça que as ruas vão ficar escorregadias, e em um desses dias você vai cair no gelo. Vai doer. Acredite, eu caí 1, 2, 3, 4, 5, 6 vezes em 6 meses.

Inverno em Winnipeg, por Packing my Suitcase

E como doeu! Uma dessas vezes quebrei um salto, a outra caí no meio de uma avenida e até o motorista riu de mim. Acontece… com todo mundo. Eu ria, o que mais eu poderia fazer? Odiar o inverno? Eu já odiava!

Ahh, já mencionei o fato que você não deve sair de casa com os cabelos molhados? Aprendi da pior forma…

Inverno em Winnipeg, por Packing my Suitcase

Sabe o que não é tão engraçado? A vida em Winnipeg acontece normalmente durante o inverno, tudo continua funcionando… o ônibus: mesmo que às vezes quando ele finalmente chega você já esteja congelado(a). A escola: como eu tinha inveja dos meus amigos que moravam no Norte dos Estados Unidos, e que por qualquer nevasca as aulas eram canceladas. O que? 1 ano em Winnipeg e isso nunca aconteceu! Ahhh, já ouviu falar em Slurpee? É uma bebida gelada. Pois é, eles continuam tomando isso no inverno, seja dentro ou fora de casa.

Inverno em Winnipeg, por Packing my Suitcase

Como uma Brasileira sobreviveu ao inverno de Winnipeg?

  • Botas à prova d’água
  • 2 luvas, 4 pares de meia e meia calça térmica
  • Casaco de inverno até os joelhos
  • Camadas de roupas por baixo do casaco de inverno
  • Deixando só os olhos de fora, afinal eu precisava ver para onde estava indo!
  • Batom específico para pele seca
  • Secando os cabelos antes de sair de casa!
  • Checando a temperatura antes de sair, bem como os horários dos ônibus!
  • Pés ou mãos congelados? Tire tudo, até que se esquente novamente, e só depois coloque tudo de volta. Pronta para mais uma voltinha…
  • Chorando, rindo, reclamando e rezando…

No final, eu já tomava sorvete e Slurpees do lado de fora!

Inverno em Winnipeg, por Packing my Suitcase

Se você pensa que os problemas acabam quando a primavera está chegando, se engana… quando a neve estiver derretendo, se eu fosse você não vestiria minha calça jeans favorita!

Inverno em Winnipeg, por Packing my Suitcase

E eu sobrevivi um inverno em WINTERpeg! Agora me sinto preparada para qualquer inverno. Inverno Alemão? Não é nada! E o pior é que às vezes ainda sinto saudades!

Inverno: 2004 – 2005

Inverno em Winnipeg, por Packing my Suitcase