Imperfeições de Paris

Paris, por Packing my Suitcase.

Todo lugar tem o seu lado negativo, todo lugar tem seus defeitos e suas imperfeições, afinal, ninguém é perfeito, nem mesmo um lugar. Aquela imagem que as pessoas tendem à ter de Paris, frequentemente traz decepção ou no mínimo surpresas inesperadas ao chegar na cidade pela primeira vez.

Desde a minha primeira visita à Paris em 2003, escuto muitas pessoas falarem que se apaixonaram imediatamente por essa tão famosa cidade romântica. Ao mesmo tempo, outras precisaram dar uma segunda chance para que esse amor viesse, e muitas outras ainda não sentiram esse amor.

Eu fui uma das pessoas que se apaixonaram por Paris de imediato. No entanto, foi apenas depois de ter morado lá por alguns meses, que eu descobri e notei coisas que a grande maioria dos turistas não percebem, ou pelo menos não querem perceber. Talvez por preferirem manter aquela linda imagem da cidade.

Para vocês que até agora só viram o lado perfeito de Paris, me perdoem, mas estou prestes à mostrá-los a realidade que presenciei ao longo dos anos nessa cidade. Não me levem à mal, eu amo Paris e sempre amarei, já dei até as minhas razões para sempre voltar lá no meu post Por que Paris é sempre uma boa ideia? Agora é hora de apresentar o que vejo como as imperfeições de Paris.

Muito cara

Isso não é surpresa para nenhum de vocês que já planejaram uma visita à Paris. Não somente hotéis e alimentação são caras, mas se você já teve a oportunidade de morar em Paris ou conhece alguém que já morou, verá que essas pessoas têm mais razão ainda de reclamar desse problema.

Um pequeno loft de 18 metros quadrados no centro da cidade pode custar entre 700 – 1000 Euros por mês. O preço médio de um metro quadrado de um apartamento para compra custa em torno de 10.000 Euros. O passe mensal para o transporte público custa aproximadamente 60 Euros. Um cappuccino normal chega à custar até 4 Euros. Então sim, Paris é realmente muito cara, não um caro normal.

Paris, por Packing my Suitcase.

Insegurança

Aos que acham que porque Paris é linda, chique e fica na Europa é segura, melhor reconsiderar o que já ouviram falar. De todas as cidades que já visitei na Europa, Paris é de longe a mais insegura. Já vi pessoas serem agredidas nas ruas, carros serem queimados em protestos, e eu mesma já fui vítima de uma das inúmeras fraudes que acontecem todos os dias na cidade. Então tome cuidado quando estiver lá babando e admirando a Torre Eiffel fazendo uma selfie, preste atenção ao seu redor e não aceite ajuda de estranhos sem que haja pedido.

A (falta de) infraestrutura do transporte público

Quem disser que o metro de Paris é organizado, eficiente e com boa infraestrutura, nunca foi no de Londres, Munique, Madrid ou até mesmo no de Budapeste. O problema não é só a sujeira – uma vez presenciei 3 trens consecutivos sujos de… fezes, por todos os lados – mas também porque é extremamente cansativo, há escadas sem fim e é raro encontrar uma escada rolante, boa sorte se precisar levar suas malas no metro. Se você for cadeirante, esqueça; não há elevadores, talvez nas novas estações.

Perdi a conta de quantas vezes o metro que eu pegava para voltar para casa teve que ser parado/interrompido no meio do caminho, por causa de um “acidente”. Sem mencionar que às vezes para fazer uma permutação é necessário andar de 2Km à 3Km de um trem para o outro – é verdade!

Paris, por Packing my Suitcase.

Pickpockets

Se nunca ouviu falar deles, eu explico, são pessoas que roubam sem que você perceba. É isso mesmo, sem que você note já levaram sua carteira ou celular que estava no bolso. Em Paris está cheio deles, esteja você tirando fotos do Arco do Triunfo, vendo aquelas apresentações nas ruas, conversando com um amigo no metro, andando pela Champs Elysées… eles estão lá! Observando você, esperando o momento perfeito para levar seu celular, carteira, dinheiro… e você só irá perceber quando for tarde demais. Cuidado, fique atento.

Apartamentos horríveis

Calma, deixa eu explicar! Paris é uma cidade luxuosa, e como turistas só prestamos atenção nos prédios lindos, de faixadas espetaculares. O que não sabemos é que por traz dessa linda imagem de cartão postal, pode haver um apartamento horrível, estranho e minúsculo.

Quando eu estava morando em Paris queria me mudar de apartamento, de preferência o mais barato possível, mas que fosse “normal” e confortável. Então um dia me inscrevi para visitar uma possível opção – juntamente com mais outras 30 pessoas. Ao chegar no prédio – em um ótimo bairro e com uma linda aparência por fora – fiquei chocada ao entrar em um cubículo de 17 metros quadrados onde a cama, a cozinha e o banheiro dividiam o mesmo espaço… O MESMO ESPAÇO!

Agora, já imaginou você cozinhando enquanto seu/sua namorado(a) está usando o vaso sanitário ao lado do fogão?! Ahhh, e eu esqueci de mencionar que morar lá custavam 700 Euros mensais. Ecaaaa, não obrigada!

Vendedores ambulantes

Se já esteve em Paris provavelmente notou os vendedores ambulantes próximo à Torre Eiffel ou lá na Basílica de Sacré Coeur. Não sei você, mas já tive experiências ruins com eles. Especialmente se você for mulher, cuidado quando vieram oferecer alguma coisa, eles podem ser bem persistentes e persuasivos, mas acima de tudo irritantes e agressivos caso você insista em dizer não!

Graças ao W, um deles parou de incomodar à mim e uma amiga ao insistir em colocar uma pulseira no meu pulso, mesmo depois de eu ter falado não umas mil vezes. No entanto, o cara e os amigos dele não ficaram muito felizes com o W falando para eles deixarem a gente em paz, então eles o ameaçaram: “cuidado, nós somos muitos”. Bom, eu não gosto deles, e os evito o máximo que posso, me sinto muito desconfortável.

Paris, por Packing my Suitcase.

Estressante

Sem dúvida Paris é uma cidade estressante para os que lá moram e também para os turistas. Sempre há muito barulho, trânsito, muitas pessoas correndo de um lado por outro empurrando ou pedindo para que saia do meio, muitas filas… no entanto, poucas pessoas dispostas à ajudar alguém à encontrar o caminho de volta para casa/hotel.

Música no metrô

De todas as imperfeições de Paris anteriormente mencionadas, essa é a que você precisa se preocupar menos. No entanto, é uma imperfeição que eu odeio, e que existe em várias outras cidades Europeias: pessoas tocando algum instrumento ou cantando alto no metro e pedindo dinheiro. Eu sinceramente odiava isso quando morava em Paris. Ouvir essas pessoas fazendo barulho de manhã muito cedo já começava meu dia mal, não que eu não goste de música… eu só não gosto de música ruim, especialmente alta e de manhã. Desculpa, mas não!

Paris, por Packing my Suitcase.

Pode ser que você concorde ou discorde do que acabei de contar; essas são minhas experiências e opiniões pessoais. Se você tem alguma outra imperfeição que gostaria de adicionar, por favor compartilhe. Concordando ou discordando comigo, por favor expresse seus pensamentos…