O castelo conto de fadas: Neuschwanstein

Castelo Neuschwanstein, Alemanha. Por Packing my Suitcase.

O nome é complicado, um pouco de prática e muitas tentativas são necessárias, mas a dificuldade de chamar o nome não interfere na beleza desse castelo, ou em sua fama. O Castelo Neuschwanstein inspirou Walt Disney na criação dos castelos da Cinderela e Bela Adormecida, e já foi dito que “se você tiver a chance de visitar apenas um castelo na sua vida, esse é ele”!

Neu-schwan-stein significa: novo cisne de pedra, exatamente por esse animal ser tão famoso na região. Foi somente após visitar o castelo pela primeira vez que entendi o que faz do Neuschwanstein tão especial, e a real história por traz dele. E para que vocês entendam essa história, é necessário conhecer o homem por trás de tudo: Ludwig II, antigo Rei da Bavária.

O rei “conto de fadas”

Se algumas vez você mencionar o nome dele à algum Alemão, ele será chamado de “o rei louco”, mas não vejo dessa forma. Ludwig II nasceu em Munique, no Castelo Nymphenburg em 1845, e teve uma infância bem solitária longe de seus pais – Maximilian II e Princesa Marie da Prússia. Ele reinou a Bavária por 22 anos, e durante esse tempo ele evitava se apresentar em público ou estar cercado de pessoas; ele nunca casou, apesar de ter ficado noivo por apenas alguns meses.

Ludwig II se tornou rei aos 18 anos de idade, tinha um irmão – Otto – e era fascinado pelo compositor de óperas Richard Wagner – autor da história “Tristão e Isolda”. Wagner foi trazido para a Bavária pelo rei, onde ele chegou à compor outras famosas peças. Ludwig II construiu uma vida de fantasia, um mundo privado onde se sentia como um verdadeiro rei, enquanto dormir durante o dia e ficava acordado durante à noite.

No verão de 1868, Ludwig II ordenou a construção do castelo de seus sonhos, onde ele poderia viver isolado do mundo e ser o rei de seu próprio reino, o o castelo de estilo romanesco, Neuschwanstein. O próprio rei projetou algumas partes do castelo.

No entanto, a construção do Neuschwanstein nunca foi terminada, e o rei só ficou 186 dias lá, até ser declarado louco e incompetente de ser o rei por seu próprio irmão e um psiquiatra. Ludwig II foi isolado próximo ao lago Starnberg, onde ele morreu misteriosamente em Junho de 1886. Há quem diga que ele saiu para um passeio com seu psiquiatra e mais tarde os dois foram encontrados afogados no raso do lago.

O Neuschwanstein foi aberto ao público apenas 7 semanas após a morte do rei, e hoje em dia recebe em torno de 1,4 milhões de visitas por ano, cerca de 6 mil por dia durante o verão.

Castelo Neuschwanstein, Alemanha. Por Packing my Suitcase.

Visitando o castelo

Localização

Hohenschwangau, Bavaria, Alemanha

126 Km de Munique – aproximadamente 1h30 – 2h de carro/ônibus

Como chegar

De ônibus à partir de Munique (51 euros por pessoa)

Essa opção é um “day tour”, que inclui uma visita ao Castelo Linderhof – e uma parada rápida na cidade de Oberammergau. Já fiz esse tour antes e achei um pouco corrido, com pouco tempo para ver tudo com calma, e não inclui uma visita ao Hohenschwangau, o qual fica à frente do Neuschwanstein. O bom dessa opção é que já é possível comprar os ingressos para o castelo diretamente com eles, sem necessidade de pegar fila (preço adicional aos 51 euros).

De carro: se tiver a opção de alugar um carro ou de ir com alguém ou motorista, eu recomendo. Assim dá para ficar mais à vontade, sem pressa, e ainda sai mais barato do que de ônibus!

Estacionamento: varia entre 5 – 8 euros por dia, ou até dá para achar vagas de graça, mas um pouco mais longe do castelo.

Ingressos

Recomendo comprar seu ingresso com antecedência pela internet, o que te poupará uma grande fila – especialmente durante o verão.

Ao chegar em Hohenschwangau, vá até o “ticket center” e pegue seus ingressos antes de ir ao castelo.

Castelo Neuschwanstein, Alemanha. Por Packing my Suitcase.

Para o horário de abertura, preços dos ingressos e para fazer a reserva, olhe aqui.

*No seu ingresso terá um número, que corresponde ao seu tour, fique de olho e não chegue atrasado, se não já era!

Subindo até o castelo

Andando: é lindo e é de graça.

De ônibus: custa entre 1- 1,40 a subida, e a parada é logo ao lado da ponte Marienbrücke. Para a volta, dá para descer andando tranquilo.

De carruagem: eu pessoalmente não gosto dessa opção! É mesmo muito lindo subir até o castelo em uma carruagem, parece um real conto de fadas, mas sinto pena dos cavalos tendo que subir e descer o dia todo diversas vezes. Além disso, demora muito mais do que à pé e de ônibus, sem contar a espera até que uma esteja disponível. Mas, se ainda assim você escolher essa opção, não esqueça de começar a subir com antecedência para não perder seu horário de entrada no castelo.

Castelo Neuschwanstein, Alemanha. Por Packing my Suitcase.

A visita

Antes de entrar no castelo, faça uma visita à ponte Marienbrücke, que é de onde as fotos mais famosas do Neuschwanstein são feitas (já dá para imaginar que a ponte durante o verão é lotada).

Castelo Neuschwanstein, Alemanha. Por Packing my Suitcase.

A visita dentro do castelo não demora muito, dura em torno de 15 à 20 minutos, normalmente é guiada em Inglês ou Alemão, ou é possível pedir um “audio guide” (Espanhol, Português, Italiano e Russo).

Não é permitido tirar foto nem filmar dentro do castelo; respeitei as regras e por isso não tenho nenhuma foto de dentro.

Castelo Neuschwanstein, Alemanha. Por Packing my Suitcase.

Dicas extras

Antes do Neuschwanstein, Ludwig II também construiu outros dois castelos, o Linderhof – o único que foi finalizado – e o Herrenchiemsee. É possível visitar esses dois castelos, assim como o Hohenschwangau – logo à frente do Neuschwanstein – onde ele passou a infância, visita essa que eu sem dúvida recomendo.

Se estiver interessado em visitar o castelo Hohenschwangau também, é possível comprar um ingresso combo, que inclui visita aos dois castelos.

Souvenirs nas lojinhas dos castelos são um pouco mais caros do que em outras ali perto.

Dá para almoçar comida bávara no Schlossrestaurant Neuschwanstein, que fica perto do castelo, na descida para a cidade. Ou fazer um lanchinho no Bistro do Müller Hotel, na rua principal da cidade.

Caso queira passar mais um tempo pela região e decida ficar a noite por lá, há vários hotéis ao redor do castelo.

Para mais informações visite o site oficial do Neuschwanstein.

Sorteio!

Vou sortear 3 lembrancinhas do Castelo Neuschwanstein que comprei na minha última visita: 2 marca páginas e um cartão postal enorme. Tudo o que você precisa fazer para participar do sorteio é:

1.Curtir a página do Packing my Suitcase no Facebook

2.Procurar a foto abaixo:

Castelo Neuschwanstein, Alemanha. Por Packing my Suitcase.3.Comentar na foto e marcar mais duas pessoas que você conhece

Os vencedores serão anunciados Domingo, dia 16 de Novembro de 2014 ao meio dia (horário da Alemanha) no Facebook. O sorteio será feito com o site random.org. Boa sorte!

**Se o vencedor não se pronunciar em 2 dias, outro será escolhido!