Grande Prêmio de Fórmula 1 em Budapeste

Grande Prêmio de Fórmula 1 em Budapeste, 2014. Por Packing my Suitcase.

Para aqueles que não tinham ideia, sim eu sou uma fanática por Fórmula 1, desde criança! De vez em quando você me encontrará escrevendo por aqui sobre os Grandes Prêmios de Fórmula 1 que eu vou; compartilharei não somente minha experiência pessoal, como também darei dicas sobre um específico Grande Prêmio e seu respectivo circuito, em caso que você esteja planejando ir à um ou tenha curiosidade em saber como é. Então começarei com o Grande Prêmio de Fórmula 1 de Budapeste no circuito Hungaroring, o qual aconteceu no final de semana passado (de 25 à 27 de Julho de 2014).

Esse foi o meu primeiro Grande Prêmio aqui pela Europa, e também a primeira vez que comprei o ingresso geral, ou General Admission ticket. Eu e o W. dirigimos de Munique à Budapeste na sexta-feira de manhã e chegamos por lá às 13:00 horas. Decidimos aproveitar o resto do dia para turistar pela cidade e comemorar o aniversário dele (você saberá um pouco mais sobre a cidade em um próximo post).

Nosso ingresso incluía um passeio pelos boxes ou Pitlane Walk na quinta-feira – infelizmente não conseguimos ir – as sessões de treino da sexta-feira, a qualificação do Sábado e a corrida no Domingo. Com esse ingresso não tínhamos lugar marcado para sentar – nesse caso foi a grama mesmo – mas podíamos escolher qualquer lugar dentro da área permitida.

O circuito de Hungaroring faz parte do calendário da Fórmula 1 desde 1986 sem interrupções, e tenho que dizer que está bem preparado para esse evento que só acontece uma vez ao ano, especialmente no que se refere à infraestrutura. O circuito oferece muitas coisas legais, estandes de comida com diversas opções – cachorro quente, frango assado, salsichas, sorvetes, cerveja e muito mais – lojas oficiais das escuderias, um palco onde uma banda tocava de vez em quando e até mesmo um Game Station, com simuladores de carros de Fórmula 1! Então há muito o que fazer enquanto se espera as máquinas entrarem em ação.

Se você possui um ingresso geral, aqui estão algumas coisinhas que você precisa saber:

  • Não espere conseguir a melhor vista da corrida;
  • Chegue cedo (eu digo cedo mesmo, quando o portão abre às 7 da manhã) se você quiser conseguir um lugar legal;
  • Traga algo para colocar na grama e sentar, como um tapete de piquenique; será mais confortável enquanto você espera;
  • Cheque a previsão do tempo e se prepare: pode chover muito ou pode ser muito quente!
  • Se você for baixinho (a) que nem eu, leve algo para subir e ficar de pé para ter uma visão melhor da pista;
  • A melhor vista do circuito na área da General Admission é na curva 14, como você poder observar no mapa oficial de Hungaroring:

Mapa Hungaroring. Fonte: Site oficial de Hungaroring. Packing my Suitcase.

Dicas gerais do circuito

  • Onde comprar os ingressos: Bookf1 
  • Confira os preços oficiais aqui;
  • Os ingressos são bem mais baratos comprá-los 1 ano antes da corrida, e caso você não possa ir, sempre dá para vendê-los;
  • De Budapeste até Hungaroring você levará em torno de 30 minutos de carro;
  • Estacionamento: algumas pessoas vão te cobrar entre 8-10 Euros para estacionar o seu carro, mas normalmente esses estacionamentos ficam longe dos portões de entrada e o circuito oferece estacionamento de graça, então recomendo esta última opção;
  • Se você não estiver de carro ou preferir não dirigir até o circuito, dá para chegar ir de taxi ou de ônibus – os horários podem ser encontrados no site do circuito;
  • Leve dinheiro em espécie: os stands de comida não aceitam cartão de crédito e não tem caixa eletrônico no circuito;
  • Caso você não queira o ingresso geral, eu recomendo ficar nas áreas Silver 3, Silver 2 ou Red Bull: elas ficam bem na curva 14 de onde é possível ver muitas ultrapassagens, os boxes, a largada e 2 telões bem na sua frente;
  • Não se esqueça de levar protetor solar e guarda-chuvas (a única área coberta do circuito é a Super Gold);
  • No dia da corrida haverá 3 vezes mais pessoas do que no dia da qualificação no Sábado;
  • Ao redor do circuito tem uma área para acampamento, caso seja do seu interesse.

Destaques (além da corrida é claro):

Quando chegamos no circuito fazia muito calor, e a Cruz Vermelha estava por lá distribuindo saquinhos com água potável:

Grande Prêmio de Fórmula 1 em Budapeste, 2014. Por Packing my Suitcase.

E enquanto esperávamos a corrida começar no Domingo, algumas pessoas se reuniram na pracinha central do circuito e fizeram uma linda homenagem à Michael Schumacher; não pude evitar os olhos cheios de lágrimas:

Grande Prêmio de Fórmula 1 em Budapeste, 2014. Por Packing my Suitcase.

#keepfighting Schumi

A corrida foi muito bem organizada em todos os aspectos, especialmente em relação ao trânsito, estacionamento e placas, não tivemos qualquer problema na chegada ou saída, nem com estacionamento. E para aqueles que assistiram a corrida ou viram as notícias, já sabem que foi um espetáculo! Foi muito emocionante e muita coisa aconteceu; a melhor corrida do ano até agora! E na saída do circuito já estavam distribuindo a programação da corrida do próximo ano!